domingo, 4 de julho de 2010

SEXTA FEIRA no Porto

Depois de um jogo do Brasil triste, voltei para o apartamento do João, chorando!
Fui obrigada à limpar a casa. Pois é. Aqui é assim, os Portugueses me importaram para deixar a casa um brinco. Que andar de bike que nada. Almoçar então isso seria um luxo. E ai de mim!!
O Sergio Pinho, amigo dos meninos (agora meu também!) veio ao meu resgate, literalmente. E me levou para um treininho na ciclovia do lado de Gaia, aonde fui treinar na quarta. Só que agora o cenário era diferente, estava já escuro, com uma névoa e o mar pacífico ao lado. Visual incrível!
Depois o João e o Zé vieram ter conosco (lê se “ao nosso encontro” hehe já to falando português) e num momento o Sergio e eu fugimos para comer um churros.
Ainda bem! Foi o que me deu energia, depois o Sergio foi embora e eu ainda fui pedalar mais várias horas com os dois.
Pedalamos numa noite calma e clara, a lua começava a nascer. E brincando, mais um dia, mais um pedal, saí de casa as 20.30hs e voltamos às 2 da manhã, lá se foram 80 km sem perceber!

Um comentário:

floretrapo disse...

Luli para de pedalar um pouco por favor.... Não vou te alcaçar.. ai ai ai...

bj, aproveita muiiiitooo