terça-feira, 3 de maio de 2011

Homenagem à Fabiano Nyenhuis


Conhecemos o Fabiano no Cape Epic em 2009, tivémos o prazer de pedalar perto dele em alguns dias e perrengues na África do sul. O que mais me lembro era que em seu uniforme levava o desenho da família, pedalava por seus filhos e Nathalia, sua mulher. Estampados na camiseta em seu coração.

Apaixonado por provas de endurance de mountain bike, entre as suas preferidas competiu Leadville 100 milhas, que estava no calendário desse ano também. Através de seus relatos me empolguei e passei a fazer parte do grupo que vai para o Colorado em Agosto enfrentar o desafio. Por um acaso do destino sem ele, irei pedalar a Leadville em sua homenagem.

Fabiano não nos deixou, toda vez que subirmos na bicicleta ele estará com cada um de nós, estampado em nossos corações sentindo vento de paz e liberdade.

5 comentários:

§andra disse...

Meu Deus.. A vida às vezes é muito cruel!!!

Ele estava a treinar com ou sem capacete ?!

§andra disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Luli Cox disse...

Não sei dizer Sandra. Não sabe-se ao certo o que aconteceu.
É muito duro para a gente que pratica esporte lidar com fatalidades como essa.
O Fabiano só nos deixa lembranças boas, adorava sua família viajar e pedalar!! Sentiremos sua falta!

Marco Guerra disse...

A vida por vezes é ingrata levando quem tanta saudade deixa a Amigos/familiares/conhecidos. Fico com sentimento que só partem os bons...

Mesmo sem conhecendo desejo que descanse em Paz e olhe por todos que como ele amam este desporto.

Até sempre Fabiano

Casa Branca Biker disse...

Sou de Casa Branca, cheguei a pedalar com o fabiano algumas vezes ele estava de capacete sim, nunca vi ele pedalar sem os equipamentos de segurança, os legistas desconfiaram de uma marca no coração do Fabiano ele pode ter tido um princípio de infarto e desmaiado o que ocasionou a queda pedalei várias vezes onde ele faleceu, ele não cairia fatalmente naquele lugar. Meus sentimentos e força à Familia.